Pela manutenção de empregos: Marcel se reúne com empresários de Santa Maria (RS)

Brasil-Chile-Uruguai: parlamentares do NOVO se reúnem na Embaixada do Chile em Brasília
22 de março de 2021
Marcel solicita ao governo a reedição de medidas que preservam empregos
22 de março de 2021

O deputado federal Marcel van Hattem (NOVO-RS) participou na sexta-feira (19) de uma reunião com empresários na Câmara de Comércio e Indústria de Santa Maria CACISM, no centro do estado para buscar alternativas para a economia local. Estiveram presentes o deputado estadual, Giuseppe Riesgo (NOVO-RS), o vereador de Santa Maria, Pablo Pacheco (PP) e o presidente da CACISM, Luiz Pacheco.

Pacheco apresentou como demanda mais urgente a necessidade de pressão no Governo do Estado para que haja flexibilização nas medidas de distanciamento e de horários de abertura dos estabelecimentos, visando a manutenção dos empregos e da renda dos gaúchos na pandemia.

Na reunião Marcel informou aos participantes que expediu dois ofícios ao secretário de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Bianco, solicitando a reedição das Medidas Provisórias que permitem a suspensão do contrato de trabalho, a redução de jornada e salário, bem como a antecipação individual das férias nos casos em que não se tenha completado o período aquisitivo de 12 meses. A medida serve como salvaguarda de empregos para evitar demissões.

Além da participação de empresários e do deputado Marcel van Hattem, a reunião contou com a presença do deputado estadual, Giuseppe Riesgo (NOVO-RS), o vereador de Santa Maria, Pablo Pacheco (PP) e o presidente da CACISM, Luiz Pacheco

O deputado estadual Giuseppe Riesgo esclareceu que o sistema de cogestão que passa a vigorar na segunda (22) deve conceder flexibilizações nas restrições conforme a decisão dos municípios por regiões, o que pode amenizar o problema.

Os empreendedores reafirmam que chegaram em “um momento crítico”, e que haverá fechamento de empresas em massa e demissões. “Está difícil segurar”, disseram os empresários.

“Tenho dito desde o início das restrições impostas pelo Governo do Estado que o gabinete de crise do governador não tem entre os integrantes um representante empreendedor. Ouvir aquele que está na ponta gerando empregos e renda, e que é aquele que paga as contas no final se faz necessário para tomadas de decisões assertivas no combate à pandemia”, ressaltou Marcel.

Além disso, os empreendedores solicitaram a atuação do deputado Riesgo no âmbito estadual com relação à proibição do comércio de produtos não essenciais nos mercados.

PRONAMPE

Durante o andamento da reunião, os empregadores reafirmam a importância do retorno do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (PRONAMPE) no âmbito federal, mas advertem que o programa só atende empresas com “cadastro limpo”, o que impede empreendedores que contraíram dívidas e estão no vermelho de receberem a ajuda. Por isso solicitaram um Refis para o período da pandemia, suspendendo juros e multas, para que o comércio possa ter fôlego no fluxo de caixa.

Leo
Leo

Os comentários estão encerrados.