Deputado Marcel e os sete colegas do Partido NOVO recebem o Prêmio Ranking dos Políticos 2019 como os primeiros parlamentares da lista

Lula condenado DE NOVO: que cumpra a pena na cadeia! Segunda instância, já!
27 de novembro de 2019
Marcel critica o possível aumento do dinheiro público para financiar campanhas.
28 de novembro de 2019

A bancada de oito deputados do Partido NOVO recebeu, nesta quarta-feira (27/11), o Prêmio Ranking dos Políticos 2019. Trata-se de um feito marcante já no primeiro ano de atuação do NOVO e dos deputados da sigla em Brasília, principalmente pelo fato de ocuparem as oito primeiras posições da lista que mede a qualidade da atuação dos parlamentares do Congresso.

Para determinar a pontuação de cada parlamentar no ranking são levados em consideração critérios como o número de presenças nas sessões, economia nos gastos com a cota parlamentar, ficha limpa e voto nas principais decisões do Congresso. Junto aos colegas do NOVO e aos parlamentares mais destacados, o deputado Marcel foi chamado ao palco do auditório do prédio Interlegis, no Senado, como o melhor parlamentar do Rio Grande do Sul e o sétimo melhor dentre todos os premiados.

“Os deputados do NOVO e todos os premiados acreditam que podem de fato mudar o Brasil”, disse o deputado Marcel. O líder do Partido NOVO escolheu citar Rui Barbosa para expressar o sentimento que divide com os colegas também premiados ao sair de algumas sessões de votação na Câmara dos Deputados.

Marcel recebe prêmio Politico do Ano. Foto: Talles Kunzler

“Infelizmente, Rui Barbosa costuma ser citado por uma frase negativa, mas que nos lembra como muitas vezes saímos do Plenário da Câmara desolados: ‘De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto.’ Mas, depois, Rui Barbosa continua: ‘Eu não troco a justiça pela soberba. Eu não deixo o direito pela força. Eu não esqueço a fraternidade pela tolerância. Eu não substituo a fé pela superstição, a realidade pelo ídolo’. Prefiro uma crítica sincera de quem quer o bem comum do que o elogio de quem está buscando apenas o seu próprio benefício. Prefiro a companhia dos 30 parlamentares que estão aqui hoje do que de dezenas ou mesmo centenas de outros que não mereceriam estar aqui”, disse Marcel.

Foto: Talles Kunzler

Para conhecer mais sobre o Ranking dos Políticos e os critérios que são levados em conta para a formação da lista, clique aqui.

Os comentários estão encerrados.